Última hora

Em leitura:

Tribunal de recurso mantém suspensão de decreto migratório de Trump


EUA

Tribunal de recurso mantém suspensão de decreto migratório de Trump

O decreto anti-imigração de Donald Trump continua sem efeito. Numa decisão unânime, os três juízes do tribunal de recurso de São Francisco mantiveram a suspensão da controversa medida do novo presidente dos Estados Unidos, que visava cidadãos de sete países de maioria muçulmana.

Como já vem sendo habitual, Trump reagiu rapidamente no Twitter, dizendo: “Vemo-nos no tribunal, a segurança da nossa nação está em jogo!”.

Uma reação que leva a crer que o presidente vai agora recorrer ao Supremo Tribunal. O Departamento de Justiça indicou que o governo “está a rever a decisão e a considerar as opções”.

Trump tinha apresentado o decreto de 27 de janeiro como uma medida de “bom senso” para a segurança dos norte-americanos, no combate contra o terrorismo.

Mas a proibição de entrada de cidadãos do Irão, Iraque, Iémen, Sudão, Somália, Líbia e Síria tinha sido vivamente criticada dentro e fora do país. Da mesma forma, a suspensão da ordem executiva tinha sido efusivamente celebrada, nomeadamente nos aeroportos norte-americanos que voltaram a ver chegar voos com cidadãos dos países afetados.