Última hora

Em leitura:

Alemão decapitado por grupo radical filipino


Filipinas

Alemão decapitado por grupo radical filipino

Nas Filipinas, um septuagenário alemão foi decapitado pelo grupo extremista islâmico Abu Sayaf, um movimento com ligações ao Daesh que divulgou agora um vídeo que mostra a morte de Jürgen Kantner às mãos de um membro do grupo.

O alemão tinha sido raptado no início de novembro, quando o veleiro em que viajava foi encontrado à deriva. As autoridades encontraram no interior da embarcação o corpo sem vida da companheira. O casal de velejadores já tinha, uma vez, sido raptado por um grupo radical e depois libertado.

O Abu Sayaf é um movimento especialista na extorsão de dinheiro através de raptos e pedidos de resgate. Foi fundado no início dos anos 90, com financiamento da Al Qaeda, mas recentemente prestou juramento ao Daesh.