Última hora

Em leitura:

Polícia alemã encerra centro comercial devido a ameaça "concreta"


Alemanha

Polícia alemã encerra centro comercial devido a ameaça "concreta"

A polícia alemã encerrou este sábado um centro comercial na cidade de Essen, no oeste da Alemanha, por ter recebido “informações credíveis” sobre um iminente ataque, avançou a imprensa local.

“O centro comercial permanecerá fechado hoje por motivos de segurança. Temos provas concretas sobre um possível ataque”, informou a polícia num comunicado publicado em redes sociais, reportando-se a informações recebidas sexta-feira.

A polícia coordenou com a administração do “shoping” a não abertura este sánado e encerrou também o parque de estacionamento do centro e a estação de metro que o serve, abrindo uma investigação, apoiada por “agentes especializados”. Em declarações à AFP, o porta-voz da polícia local disse que o alerta tinha vindo de “outro serviço”.

O alerta “só afeta o centro comercial Limbecker Platz”, disse a polícia, que também fechou os parques de estacionamento e as estações de metro que servem o espaço, com 200 lojas, localizado no centro da cidade.

A meio da tarde, a polícia revelou ter procedido à detenção e interrogamento de dois homens. Um, num apartamento de Oberhausen e, outro, num “ciber café” da mesma localidade, situada a noroeste de Essen, entre Duiisburgo e Dortmund, não muito longe da cidade onde um jovem de 19 anos foi preso quinta-feira à noite por ter assassinado no inicio da semana um rapaz, de nove, e dias depois um outro homem, de 22.

As autoridades alemãs estão em alerta por causa da ameaça ‘jihadista’ sobre a Alemanha, principalmente desde o ataque com um camião num mercado de Natal, que matou 12 pessoas em Berlim, no passado mês de dezembro.

Os serviços de inteligência alemães estimam em cerca de 10.000 o número de radicais islâmicos no país.