Última hora

Em leitura:

Parlamento escocês autoriza novo referendo


Reino Unido

Parlamento escocês autoriza novo referendo

Nicola Sturgeon vai poder propor um novo referendo à independência da Escócia, mesmo se já sabe que o governo britânico se vai opor.

O parlamento escocês aprovou a proposta da primeira-ministra, que pretende, com este novo voto, evitar que a Escócia sofra os efeitos do Brexit.

A Escócia votou, na maioria, pela permanência na União Europeia, o que fez Sturgeon desenterrar a ideia do referendo. Em 2014, o “não” à independência ganhou por menos de dez pontos.

“O povo da Escócia deve ter o direito de escolher entre o Brexit, provavelmente um Brexit muito duro, ou tornar-se num país independente, capaz de traçar o próprio percurso e criar uma parceria entre iguais dentro das ilhas britânicas”, disse Nicola Sturgeon.

Para avançar com o novo referendo, Sturgeon vai ter de fazer um braço-de-ferro com Theresa May. No encontro entre as duas, a primeira-minsitra britânica deixou claro que não iria autorizar nenhum referendo na Escócia antes do Brexit.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Rússia

Moscovo e Teerão prontos para cooperação económica, energética e militar