Última hora

Em leitura:

UE: Desemprego recua para nível de 2009


Economia

UE: Desemprego recua para nível de 2009

Na União Europeia e na zona euro, o desemprego atinge mínimos de sete anos.

Segundo os dados do Eurostat, em fevereiro, na zona euro, a taxa de desemprego recuou uma décima para os 9,5%. Um valor que não se registava desde maio de 2009.

No conjunto da União Europeia, a taxa recuou uma décima para os 8%, o valor de janeiro de 2009.

No total, há ainda 19,750 milhões de pessoas sem trabalho.

Portugal regista a terceira maior queda homóloga. Em fevereiro, a taxa era de 10% contra 12% um ano antes.

A República Checa (3,4%) e a Alemanha (3,9%) registam as taxas de desemprego mais baixas. Enquanto Grécia (23,1% em dezembro) e Espanha (18%) têm as mais elevadas.

Quanto ao desemprego juvenil, a taxa na UE é de 17,3%, enquanto em Portugal supera ainda os 25%. Pior só Itália (35,2), Espanha (41,5%) e Grécia (45,2% em dezembro).