Última hora

Em leitura:

Judo: Brasil e Argentina em destaque no Grande Prémio de Cancún


Desporto

Judo: Brasil e Argentina em destaque no Grande Prémio de Cancún

Emmanuel Lucenti foi a grande figura do segundo dia do Grande Prémio de Judo de Cancún. O argentino venceu a final da categoria de menos 81 quilos depois de derrotar na meia final o israelita Sagi Muki. Lucenti aproveitou a desqualificação de Muki. No derradeiro combate Emmanuel Lucenti defrontou o canadiano Etienne Briand. O vencedor da medalha de bronze no grand Slam da Rússia, não teve argumentos para o argentino de 32 anos.
A final durou quatro minutos. Lucenti conquistou assim a primeira medalha de ouro num grande Prémio, depois de há cinco anos ter arrecadado a prata em Miami.

No setor feminino, na categoria de menos 63 quilos, a medalha de ouro foi para brasileira Ketleyn Quadros. Quadros, no primeiro combate venceu por ippon a hondurenha Cergia David. Nas meias finais, a judoca brasileira teve de enfrentar a eslovena, Andreja Leski e conseguiu derrotá-la por waza ari. Na final, Ketleyn Quadros encontrou a britânica Amy Livesey. A brasileira assumiu a iniciativa do combate e, com um ippon, não deixou a escapar a terceira medalha de ouro num grande evento. Quadros foi mesmo considerada a mulher do segundo dia de prova.

Esta não foi a única medalha de ouro para o Brasil. Na final masculina de menos 73 quilos, Marcelo derrotou o israelita Tohar Butbul.

A espanhola María Bernabeu foi outra das medalhadas do dia: na final de menos de 70 quilos impôs-se à medalha de bronze olímpica Sally Conway de Gran Bretaña. Conway foi desqualificada depois de receber três penalidades.