This content is not available in your region

Jihadistas condenados em Espanha

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Jihadistas condenados em Espanha

<p>Um tribunal espanhol condenou, esta segunda-feira, a seis anos de prisão seis homens acusados de recrutarem pessoas para perpetrarem ataques terroristas na zona do Magrebe, em África, e “em solo ocidental”.</p> <p>Os jihadistas, com ligações à Al-Qaida, aceitaram a sentença após reconhecerem os seus atos e renunciarem à violência.</p> <p><blockquote class="twitter-tweet" data-lang="en"><p lang="es" dir="ltr">La célula yihadista de Melilla reniega de la violencia: “Hay que parar esto”<a href="https://t.co/7vtcPX6nL1">https://t.co/7vtcPX6nL1</a></p>— EL PAÍS España (@elpais_espana) <a href="https://twitter.com/elpais_espana/status/884359114914189312">July 10, 2017</a></blockquote><br /> <script async src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script></p> <p>Os seis homens foram detidos em 2014, na cidade espanhola de Melilla, no norte de África.</p> <p>A célula operava na mesquita da cidade e geria um portal fundamentalista islâmico na internet, o <em>Sharia4Spain</em>, sucursal espanhola do movimento global <em>Sharia4</em>.</p>