Última hora

Em leitura:

Moscovo envia polícia militar para subúrbios de Damasco


Síria

Moscovo envia polícia militar para subúrbios de Damasco

A Rússia destacou a polícia militar para a região de Guta Oriental, o principal reduto rebelde nos subúrbios de Damasco, para tentar garantir a ordem numa “zona de segurança”.

Em conferência de imprensa, o chefe de operações do Estado Maior russo deu, esta segunda-feira, conta dos desenvolvimentos no terreno.

“Para assegurar o fim dos combates a polícia militar da Federação Russa estabeleceu, a 21 e 22 de julho, dois pontos de controlo e dez postos de observação ao longo das linhas de contacto estipuladas entre as partes na zona de segurança”, disse o general Sergei Rudskoi.

No sábado, o Exército sírio anunciou uma trégua de duração indefinida em Guta Oriental, em linha com o anúncio da Rússia da criação de uma “zona de segurança” na região.

O Observatório sírio dos Direitos Humanos diz que um dia depois da declaração do fim das hostilidades na região, o Exército sírio realizou vários ataques aéreos na zona.

Israel decide remover detetores de metais em Jerusalém

Israel

Israel decide remover detetores de metais em Jerusalém