This content is not available in your region

Pablo Neruda não morreu com um cancro

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Pablo Neruda não morreu com um cancro

<p>Um grupo de 16 peritos internacionais, mandatado pela Justiça chilena, anunciou que a morte do prémio Nobel da literatura, Pablo Neruda, pouco depois do golpe de Estado levado a cabo por Pinochet em 1973, não ficou a dever-se a um cancro, como consta na sua certidão de óbito.</p> <p>Neruda morreu numa clínica de Santiago, aos 69 anos, alegadamente por causa de um cancro na próstata. </p> <p>Segundo declarações de um dos peritos, no entanto, a única certeza que o grupo tem é a de que a certidão não corresponde à realidade da morte de Neruda. Os investigadores não foram capaz, no entanto, de determinar a verdadeira causa da morte do poeta.<br /> <br /> <strong>Uma morte que continua por resolver-se</strong><br /> <br /> Os especialistas são originários de países como o Canadá, a Dinamarca, os <span class="caps">EUA</span>, a Espanha e o Chile.</p> <p>Descobriram, no cadáver de Neruda, a presença de uma bactéria não relacionada com o cancro, bactéria depois estudada em laboratórios canadianos e dinamarqueses e que poderia explicar melhor o mistério da morte do poeta.</p> <p>Para a família de Pablo Neruda, este terá sido vítima de um envenenamento, levado a cabo por agentes do regime de Pinochet, que dirigiu com mão-de-ferro a República do Chile, entre 1973 e 1990. <br /> <br /> <strong>Uma “misteriosa injeção”</strong><br /> <br /> Em 2011, um antigo motorista de Neruda, Manuel Araya, que foi também seu assistente pessoal, defendeu que a morte do autor estaria ligada a uma estranha injeção que teria recebido antes de partir para o México, onde tinha a intenção de instalar-se para desenvolver atividades de oposição ao General Pinochet.</p> <p>Em 2014, uma equipa de investigadores espanhóis disse ter encontrado a presença de bactérias que poderiam estar relacionadas com o assassinato levado a cabo por agentes da ditadura militar chilena.<br /> <br /> <strong>Com <span class="caps">AFP</span></strong><br /> <br /> </p>