Última hora

Última hora

Os recordes de Ronaldo não param de crescer

Em leitura:

Os recordes de Ronaldo não param de crescer

Tamanho do texto Aa Aa

A vitória do Real Madrid no Campeonato do Mundo de Clubes aumentou consideravelmente o palmarés de Cristiano Ronaldo. Mais que um simples troféu, o triunfo frente ao Grêmio valeu ao português uns quantos recordes para juntar à coleção.

O atacante é agora o maior goleador na história da competição com sete golos em oito jogos. e tem também o recorde de vitórias no mundial de clubes, quatro, uma marca que partilha com Toni Kroos.

Os dois companheiros de equipa venceram a competição com a camisola do Real em 2014, 2016 e 2017, sendo que o madeirense ainda conquistou o troféu com o Manchester United em 2008 e o alemão com o Bayern em 2013.

Ronaldo ainda conseguiu ser eleito o melhor jogador em campo na final mas perdeu a corrida de melhor jogador da competição (troféu que tinha ganho o ano passado) para Luka Modrić. Aí o recordista continua a ser Lionel Messi. o único a receber a distinção por duas vezes.

Em termos de recordes, quem também não se sai nada mal é Zinédine Zidane. Em menos de dois anos no banco do Real Madrid é já o segundo treinador mais titulado de sempre com oito troféus conquistados em dez possíveis. Feitas as contas, conseguiu um troféu a cada 14 jogos nos merengues.