Última hora

Última hora

Coreias unidas para a abertura e o hóquei no gelo dos Jogos de Inverno

Em leitura:

Coreias unidas para a abertura e o hóquei no gelo dos Jogos de Inverno

© Copyright :
Yonhap via REUTERS
Tamanho do texto Aa Aa

A Coreia do Sul e a Coreia do Norte anunciaram esta quarta-feira que vão marchar juntas sob uma única bandeira na abertura dos Jogos Olímpicos de Inverno de PyeongChang, onde irão também apresentar uma equipa conjunta no hóquei no gelo feminino.

Estas decisões foram tomadas pelos responsáveis dos dois países numa reunião de trabalho em Panmunjom, cidade fronteira na zona desmilitarizada, que divide a península coreana, onde foi assinado o cessar fogo.

A medida, que está ainda sujeita à aprovação do Comité Olímpico Internacional, é o resultado das conversações oficiais entre os dois países iniciadas na semana passada. Após dois anos sem contactos, o desporto acabou por acalmar a relação entre as Coreias, cuja ligação estava sob enorme tensão, na sequência dos ensaios nucleares e balísticos do regime de Kim Jong-Un.

Esta será a primeira vez que a península vai marchar sob uma só bandeira numas olimpíadas. Um feito que só tinha sido visto antes nos Jogos Universitários de Daegu, em 2003.

A menos de um mês do arranque da competição, foi ainda tomada outra decisão inédita: uma equipa conjunta no hóquei no gelo feminino. Apesar de alguma resistência desportiva e social à ideia, a fusão das duas seleções para Pyeongchang vai mesmo avançar.

A Coreia do Norte comprometeu-se também a enviar uma delegação de 550 elementos, incluindo uma claque de 230 pessoas.

Os Jogos Olímpicos de Inverno decorrem em PyeongChang, na Coreia do Sul, entre 9 e 25 de fevereiro.