Última hora

Última hora

Ministro dos Negócios Estrangeiros holandês demite-se depois de admitir que mentiu

Zijlstra afirmou que esteve presente, mas na realidade não participou no dito encontro, em que Vladimir Putin Putin disse que considerava a Bielorrússia, a Ucrânia e os Estados do Báltico como parte da "Grande Rússia".

Em leitura:

Ministro dos Negócios Estrangeiros holandês demite-se depois de admitir que mentiu

Tamanho do texto Aa Aa

O ministro dos Negócios Estrangeiros holandês demitiu-se esta terça-feira. Halbe Zijlstra abandona o cargo depois ter mentido sobre a o facto de ter participado numa reunião com o Presidente russo em 2006.

Zijlstra afirmou que esteve presente, mas na realidade não participou no dito encontro, em que Vladimir Putin Putin disse que considerava a Bielorrússia, a Ucrânia e os Estados do Báltico como parte da "Grande Rússia".

Durante os últimos anos, o político holandês repetiu, em vários momentos, que esta seria uma mensagem expansionista de Putin.

Halbe Zijlstra, que é membro do partido VVD (centro-direita), do primeiro-ministro Mark Rutte, enviou uma carta ao rei holandês a pedir demissão.