Última hora

Última hora

Morreu Alan Bean, o astronauta-artista

Em leitura:

Morreu Alan Bean, o astronauta-artista

Tamanho do texto Aa Aa

A pintura era uma das grandes paixões mas foi como astronauta que o norte-americano Alan Bean mais se notabilizou. Com uma vida feita de história e repleta de estórias, o quarto homem a pisar a Lua - até hoje foram apenas 12 a fazê-lo - morreu, este sábado, aos 86 anos de idade, num hospital do Texas.

Tinha ficado doente há duas semanas quando viajava por Fort Wayne, no estado do Indiana.

Ex-piloto de testes da Marinha dos EUA, foi recrutado em 1963 para integrar o terceiro grupo de astronautas da NASA. Foi duas vezes ao espaço. A primeira em novembro de 1969, como elemento da tripulação do módulo lunar do Apollo 12, que realizou a segunda aterragem na Lua.

Em 1973 bateu um recorde mundial. Passou 59 dias em órbita na estação espacial Skylab. Ao longo da vida, Alan Bean acabou por totalizar 69 dias no espaço, com 31 horas passadas na Lua.

Em 1981, Bean desistiu da carreira na NASA para abraçar a vida de artista a tempo integral, sempre inspirado pelas viagens espaciais.