Última hora

Última hora

Carles Puigdemont de volta a Bruxelas pronto para lutar pela independência da Catalunha

Em leitura:

Carles Puigdemont de volta a Bruxelas pronto para lutar pela independência da Catalunha

Carles Puigdemont de volta a Bruxelas pronto para lutar pela independência da Catalunha
Tamanho do texto Aa Aa

Carles Puigdemont regressou à Bélgica este sábado, vindo da Alemanha, e diz que vai continuar a campanha pela independência da Catalunha.

O ex-presidente catalão voltou a Bruxelas, onde se tinha refugiado após declarar a independência da região - já que o mandado de detenção que levou à sua prisão em território alemão foi levantado pelo Supremo Tribunal Espanhol.

O cancelamento deste mandado foi sinónimo de liberdade para o antigo líder catalão, mas com o impedimento de voltar a Espanha, onde seria detido de imediato por rebelião, pela tentativa de criar um estado independente.

"Não é o fim da minha jornada. A partir daqui, vou continuar a minha viagem pela Europa, irei até ao último canto do nosso continente para defender a causa justa do povo catalão. Pela democracia, pela liberdade e pela autodeterminação", disse o antigo presidente da Catalunha.

Ao lado de Puigdemont estava Quim Torra, o atual presidente do governo regional (da Generalitat). Estaremos abertos ao diálogo e mais diálogo, mas, insisto, esta legislatura é pelo direito à autodeterminação e não pode ser de outra forma", disse o Presidente catalão.

Puigdemont foi preso na Alemanha em março passado, e depois libertado, no âmbito de um mandado de captura espanhol. Quim Torra mostrou-se satisfeito com a decisão da justiça alemã que ilibou o ex-líder catalão do crime de rebelião.