This content is not available in your region

França: Estátua romana roubada há 50 anos regressa ao museu

Access to the comments Comentários
De  Euronews
França: Estátua romana roubada há 50 anos regressa ao museu
Direitos de autor  أ ف ب   -  

O detetive holandês, Arthur Brand, conhecido como o Indiana Jones do mundo da arte, devolveu a França uma estátua romana de bronze de valor inestimável, que desapareceu durante um assalto há cinco décadas.

Um cliente austríaco que lhe pediu para descobrir a origem de uma pequena estátua de Baco em criança, que tinha acabado de comprar, colocou-o na legalmente busca do objeto.

"Não estava registada em lado nenhum, por isso tive de encontrar um catálogo antigo de 1927 onde havia uma fotografia, e dizia: 'esta peça foi encontrada em 1894 durante escavações arqueológicas em França e depois foi oferecida a um museu'. Por isso pensei, como pode estar aqui se devia estar num museu? Então, soubemos que tinha sido roubada".

Catherine Monnet, a diretora desse mesmo museu, o Musée du Pays Chatillonnais, no leste de França, recuperou a peça, considerada um dos tesouros de França, com um grande sorriso

"É uma estátua muito importante. Não há muitas destas que tenham chegado até hoje. É uma estátua de uma muito grande qualidade", afirma.

O valor da estátua não foi divulgado, mas estima-se em milhões de euros; a pessoa que a devolveu recebeu uma quantia muito mais moderada. A lei francesa proíbe que se pague o valor de mercado. Foram dois colecionadores de arte britânicos - Brett e Aaron Hammond e o município de Châtillon-sur-Seine que contribuiram para o pagamento.

A estátua, um bronze do século I, de 40 centímetros de altura, foi uma das peças levadas durante um assalto ao museu em dezembro de 1973.