A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

A Materadio dá vida às ondas de rádio

A Materadio dá vida às ondas de rádio
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Como parte das comemorações em curso como Capital Europeia da Cultura, a cidade italiana de Matera organizou três dias de programação ao vivo na estação de rádio estatal Rai Radio 3, entre os dias 11 e 15 de setembro.

No seu nono ano de existência, a Materadio instalou-se não só nas evocativas praças do centro da cidade, mas também num novo recinto no perímetro da Cava del Sole - uma imponente pedreira à entrada de Matera esculpida em tufa calcária.

Diante deste singular pano de fundo, os locutores da estação apresentaram vários convidados especiais, oradores e músicos que fizeram parte de uma série de eventos que foram transmitidos em direto para todo o país.

Reunidos em torno da temática "O Sul", os eventos exploraram as tradições, as crenças e as paisagens em mudança de um sul conceptual, transcendendo fronteiras geográficas e seguindo os caminhos que unem e movimentam as pessoas.

O ativista e sindicalista Aboubakar Soumahoro, um dos muitos convidados especiais que participaram nos eventos, conversou com o escritor e ativista Goffredo Fofi sobre as formas através das quais a região mediterrânica se tornou um local de incerteza, onde os refugiados veem frequentemente negado o acolhimento de que necessitam.

Este tema foi aprofundado em "629. Homens em Jaulas", um projeto teatral que conta a história das 629 pessoas do navio Aquarius a quem foi recusado refúgio em junho de 2018.

Num concerto realizado na envolvente peculiar do museu Essenza Lucano, montra do Amaro Lucano, o famoso licor da região, a cantora e compositora Teresa De Sio evocou os sons do Sul num concerto intitulado "Razão e Sentimento".

Outros destaques musicais incluíram o "Concerto Italiano", uma hora de música antiga para flauta, violino, violoncelo e cravo, e duas "Aulas de Música", que analisam o diálogo estabelecido entre músicos que se inspiram mutuamente em diferentes épocas. A primeira é subordinada à música de Mozart e Haydn, e a segunda à de Beethoven e Brahms.

Como parte da série cultural da Radio 3 intitulada "Filo Rosso" (Fio Vermelho), foi contada, ao longo destes três dias, a história das regiões do sul de Itália através de oito objetos tradicionais que vão desde artigos marítimos que moldaram a própria história do Mediterrâneo - redes, a bússola, coral e ânforas - a objetos do dia a dia como candeeiros e velas.

I Pupi ("As Marionetes") proporcionou um vislumbre sobre a história destas curiosas marionetes em tamanho quase natural que fazem parte de uma longa tradição narrativa no teatro. A utilização de pupi para narrar contos de bravura medievais disparou em popularidade no início do século XIX e permanece popular ainda hoje. Em 2008, estas marionetes foram inscritas na lista de património cultural imaterial da UNESCO.

Os historiadores Alessandro Vanoli e Amedeo Feniello foram acompanhados pelo guitarrista Carlo Mascilli Migliorini nesta viagem através das histórias de oito objetos do Sul, que terminam com Le Valigie ("As Malas de Viagem"). Indo muito mais além dos aspetos materiais das viagens, os oradores falaram sobre as vidas e sonhos que migrantes e refugiados levaram consigo ao longo dos séculos na sua procura de um futuro novo e mais risonho.

Outros eventos de interesse incluíram a transmissão em direto do "Hollywood Party", um programa regular da Rai Radio 3 em que analistas e convidados falam de cinema e dos seus últimos lançamentos. Qualquer debate sobre filmes é especialmente importante para Matera, cuja reviravolta na sorte ocorreu em parte devido ao súbito interesse na cidade como local para filmagens.

Muitos dos seus edifícios mais deslumbrantes foram esculpidos na rocha que forma o flanco de uma ravina profunda; apenas há algumas décadas, os habitantes de Matera viviam em grutas, preservadas e, de facto, remodeladas na atualidade. Tal fez da cidade uma substituta perfeita para povoados da Antiguidade como Jerusalém (com a sua aparição mais famosa na Paixão de Cristo de Mel Gibson).

Jan Garbarek

Além disso, mais recentemente, Matera foi o local de filmagem do mais recente filme de James Bond, No Time to Die (a estrear em 2020). Assim, 007, nas suas várias versões de 1953 até aos nossos dias, constituiu o tema desta edição especial do Hollywood Party.

Continuando no tema da aproximação das culturas, foram organizados vários concertos com músicos internacionais como parte da programação da Materadio. Um destaque especial vai para o concerto do saxofonista de jazz Jan Garbarek, que foi acompanhado em palco por outro músico de nível internacional, o percussionista indiano Trilok Gurtu.

Estão também a ser criados laços entre Matera e cidades comparáveis espalhadas pelo mundo. "Matera e Bamiyan, Gémeas na História" comparou os destinos de duas cidades que enfrentaram dificuldades e cuja sorte mais tarde sofreu uma reviravolta. Como todos sabemos, Bamiyan, no Afeganistão, viu as suas duas gigantescas estátuas de Buda com 1500 anos serem destruídas pelos talibã em 2001. No entanto, o seu parque arqueológico regressou à vida de uma maneira muito semelhante à forma como as grutas habitadas Sassi de Matera se desembaraçaram das suas origens de pobreza para se tornarem atrações em si mesmas.

Foi prestada homenagem a personalidades italianas que vão da astronauta Samantha Cristoforetti ao autor Andrea Camillieri e ao ciclista Fausto Coppi, e a tradições como a "pizzica", uma dança folclórica da região que foi executada pela orquestra La Notte della Taranta na Cava del Sole.

Modena City Ramblers

A programação terminou no domingo, 15 de setembro, com um "Gran Finale" à hora do almoço na Piazza San Francesco, onde o grupo de música folk Modena City Ramblers passou o testemunho metafórico da Capital Europeia da Cultura a Galway, na Irlanda, que deterá este título em 2020. Conhecidos pelas suas influências celtas, os Ramblers foram acompanhados em palco pelos músicos folk irlandeses Gearóid Ó Murchú, Ruairi Liam Mac Con Iomaire e Rebecca Ní Éallaithe, acabados de chegar das suas atuações no Traidphicnic, o principal festival de música tradicional irlandesa de Galway.

Estas foram apenas algumas das mais recentes propostas de um programa de um ano com exposições, atuações e debates que se prevê que venha a atrair mais de um milhão de visitantes à cidade durante 12 meses.

A melhor forma de desfrutar de tudo o que a cidade tem para oferecer é o Passaporte Matera 2019. Por 19 euros poderá não só aceder gratuitamente aos eventos ao longo do ano, mas também beneficiar de transportes públicos gratuitos. Se a sua estadia em Matera for curta, existe um Passaporte de um dia por 10 euros.