Última hora

Última hora

Ucrânia: As armas falam mais alto

Soldados ucranianos movimentam-se às portas de Artemivsk à espera de ordens. O acordo de cessar-fogo de Minsk continua a ser violado embora os

Em leitura:

Ucrânia: As armas falam mais alto

Tamanho do texto Aa Aa

Soldados ucranianos movimentam-se às portas de Artemivsk à espera de ordens.

O acordo de cessar-fogo de Minsk continua a ser violado embora os rebeldes tenham anunciado a libertação de 35 a 39 soldados ucranianos um dos pontos do documento.

Kiev comprometeu-se também a libertar 37 pessoas detidas na região de Luhansk.

O porta-voz militar ucraniano, declarou que “as principais forças rebeldes estão concentradas na direção de Donetsk e Horlivka. Ao mesmo tempo, o inimigo não desiste de tentativas de invadir as nossas posições na área residencial de Shirokine e na direção de Mariupol.”

Os moradores de Donetsk e os separatistas comemoraram esta segunda-feira o aniversário da era soviética dos Defensores da Pátria.