Última hora

Última hora

Tsipras "próximo de um acordo" garante que Grécia vai pagar a tempo ao FMI

O primeiro-ministro grego voltou a pedir mais “realismo” aos credores do país após uma nova reunião, ainda sem um acordo sobre a dívida, esta

Em leitura:

Tsipras "próximo de um acordo" garante que Grécia vai pagar a tempo ao FMI

Tamanho do texto Aa Aa

O primeiro-ministro grego voltou a pedir mais “realismo” aos credores do país após uma nova reunião, ainda sem um acordo sobre a dívida, esta quarta-feira, em Bruxelas.

À saída de um encontro de três horas com os líderes da Comissão Europeia e do Eurogrupo, Alexis Tsipras afirmou que um entendimento poderá estar próximo, nomeadamente sobre os objetivos de excedente primário – a diferença entre as receitas e as despesas, sem os juros da dívida – , mas voltou a rejeitar algumas propostas dos credores, como os cortes nas pensões ou o aumento do IVA.

Tsipras afirmou-se contente com o ponto de vista “realista” da Comissão, que tenta mediar as negociações com os restantes membros da Troika (BCE e FMI), um ponto de vista “próximo das propostas gregas”, segundo o primeiro-ministro grego.

O encontro serviu para contrastar a proposta formulada pela Troika, na terça-feira, em Berlim, com as condições gregas, quando o prazo para que Atenas pague uma nova tranche de 300 milhões de euros do empréstimo ao FMI expira esta sexta-feira.

Tsipras garantiu que o país vai honrar os seus compromissos e que reembolsará a nova fatia do empréstimo a tempo. “Não se preocupem com isso”, afirmou ao despedir-se dos jornalistas em Bruxelas, “já pagámos 7,5 mil milhões, por isso vamos continuar a pagar”.