Última hora

Última hora

Iémen: Conversações de paz pouco otimistas em Genebra

Baixas expectativas de sucesso no segundo dia de conversações, em Genebra, sobre o conflito no Iémen. O encontro, que decorre sob a mediação das

Em leitura:

Iémen: Conversações de paz pouco otimistas em Genebra

Tamanho do texto Aa Aa

Baixas expectativas de sucesso no segundo dia de conversações, em Genebra, sobre o conflito no Iémen.

O encontro, que decorre sob a mediação das Nações Unidas, procura ultrapassar os obstáculos para uma solução política na guerra entre os rebeldes Houthis e o governo do presidente exilado Mansour Hadi.

“As expectativas para estas reuniões não são grandes. Até ver, a Arábia Saudita parece determinada a continuar a guerra e o seu desejo de agressão contra o Iémen, e não há sinais de que ela tenha a intenção de parar a agressão”.

O ministro dos Negócios Estrangeiros iemenita, Reyad Yassin Abdulla, descartou a possibilidade de qualquer cessar-fogo e impõe que a “ única condição que levará o governo de Hadi a uma trégua é a retirada dos rebeldes Houthis das cidades que atualmente controlam, incluindo a capital Sanaa.

“Não estamos otimistas quanto à atitude dos Houthis, sempre recusaram ser razoáveis, e mesmo quando eles concordam com alguma coisas depois recuam”.

As conversações de Genebra devem prolongar-se por mais um dia, uma tentativa de acabar com a guerra civil que dura à quase um ano.