Última hora

Última hora

Omar Sharif, o último galã

Em leitura:

Omar Sharif, o último galã

Omar Sharif, o último galã
Tamanho do texto Aa Aa

Eternamente conhecido como Doutor Jivago ou ainda Sherif Ali em Lawrence da Arábia: Jogador, galã e sedutor, Omar Sharif era um dos últimos ídolos da idade de ouro do cinema e a maior estrela de sempre da sétima arte no mundo árabe.

O ator egípcio morreu no Cairo, aos 83 anos, de ataque cardíaco. Sofria também da doença de Alzheimer, segundo um dos filhos.

Viveu uma vida de “glamour”, mas só se casou – e, segundo o próprio, só se apaixonou uma vez. Durante trinta anos, passou a maior parte do tempo fora do país natal, em hotéis na Europa e na América. O último grande sucesso na tela foi em 2003, com Monsieur Ibrahim et les fleurs du Coran.

Homenagens

— Omar Sharif Jr. (@OmarSharifJr) July 10, 2015

Momentos

Em 1989, Nanni Moretti homenageou “Jivago” com esta cena memorável de “Palombella Rossa”: