Última hora

Última hora

Turquia: Migrantes deportados alojados em campo vedado

Os primeiros migrantes deportados da Grécia para a Turquia estão a ser alojados num campo vedado a 230 quilómetros de Istambul, que o Alto

Em leitura:

Turquia: Migrantes deportados alojados em campo vedado

Tamanho do texto Aa Aa

Os primeiros migrantes deportados da Grécia para a Turquia estão a ser alojados num campo vedado a 230 quilómetros de Istambul, que o Alto Comissariado das Nações Unidas (ACNUR) para os refugiados diz não ter acesso.

Em Pehlivankoy, os migrantes, a maioria afegãos e paquistaneses, aguardam para saber o futuro imediato, muitos serão repatriados.

O parlamento turco aprovou de forma célere uma lei que permite o envio os migrantes sem autorização de permanência de volta aos países de origem.

O acordo entre a União Europeia e a Turquia, destinado a reduzir e ordenar o afluxo de migrantes é contestado pelo ACNUR, que afirma que o procedimento poderá violar o direito internacional.

ِUma segunda onda de deportações teve lugar esta sexta-feira.

Ao todo 325 migrantes, nenhum sírio, foram já devolvidos à Turquia.

O acordo entre Bruxelas e Ancara, prevê que a União Europeia receba migrantes sírios diretamente da Turquia por troca do mesmo número de candidatos a asilo que chegaram à Grécia pelo mar Egeu.

A Turquia receberá da União Europeia, como compensação, dinheiro, isenção de vistos de entrada e progresso nas negociações de adesão do país ao bloco europeu.