Última hora

Em leitura:

Itália: Morreu o radical Marco Pannella

mundo

Itália: Morreu o radical Marco Pannella

Publicidade

Morreu, esta quinta-feira, aos 86 anos, o líder radical italiano Marco Pannella.

O ativista dos Direitos Humanos morreu de doença prolongada depois de estar dias internado num hospital de Roma, em Itália.

Marco Pannella ganhou notoriedade por ter protagonizado, nas últimas décadas, a luta pelos direitos civis em Itália e por ser um dos fundadores do Partido Radical, atualmente conhecido como Radicais Italianos.

Nos anos 70, do século passado, Pannella contribuiu decisivamente para a legalização do voto para os jovens de 18 anos, do divórcio e do aborto.

Defendeu ainda a descriminalização do uso de drogas leves.

A aliada nas lutas pelos direitos civis, Emma Bonino, já manifestou consternação pelo desaparecimento do político histórico.

Marco Pannella ficou conhecido pela maneira pouco convencional de fazer política.

Em 2014 decidiu fazer uma greve de fome para denunciar as condições das prisões italianas, que classificou de péssimas.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte