Última hora

Em leitura:

Bayer oferece 55,2 mil milhões de euros pela Monsanto

empresas

Bayer oferece 55,2 mil milhões de euros pela Monsanto

Publicidade

O grupo químico e farmacêutico alemão Bayer lança uma Oferta Pública de Aquisição (OPA) sobre a Monsanto. Para tal colocou na mesa 62 mil milhões de dólares, o equivalente a 55,2 mil milhões de euros, em dinheiro.

A oferta corresponde a 122 dólares (109 euros) por ação da Monsanto, o que corresponde a um prémio de 37% face à cotação da Monsanto.

Para financiar a operação, a Bayer vai aumentar o capital e emitir dívida.

Caso se confirme, será a maior aquisição de sempre de uma empresa alemã.

O objetivo é criar o maior produtor mundial de produtos químicos e sementes para agricultura, como defende o presidente executivo da Bayer, Werner Baumann: “É um grande dia para a Bayer. Damos um grande passo em frente na nossa divisão de agricultura. Juntos podemos garantir um aumento da produção mundial de comida, apesar das condições de cultivo e ambientais cada vez mais difíceis”.

Unidas, as duas empresas atingem vendas de mais de 23 mil milhões de euros.

A Bayer está confiante de que a empresa norte-americana de pesticidas e sementes vai reagir de forma positiva à oferta.

Mas alguns acionistas da Bayer contestam a OPA.

A Monsanto é criticada em várias partes do mundo pelas suas sementes geneticamente modificadas (OGM).

Com o anúncio da OPA, as ações Bayer caíram 3,6% e atingiram mínimos de dois e meio. Já os títulos do grupo norte-americano subiram 9,5 por cento.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte