Última hora

Em leitura:

Kerry pede força da ONU para o Sudão do Sul

mundo

Kerry pede força da ONU para o Sudão do Sul

Publicidade

O secretário de Estado norte-americano insistiu hoje na necessidade de enviar uma “força de proteção” da ONU, composta por tropas africanas, para a capital do Sudão do Sul, palco de violentos combates em julho.

John Kerry considera que os estados regionais devem comprometer-se em dar impulso à implantação planeada de tropas extras da ONU ao Sudão do Sul.

“Os líderes do Sudão do Sul têm que assumir a sua responsabilidade. Têm que colocar o interesse dos seus cidadãos em primeiro lugar e eles têm de se abster de atos violentos e provocantes. É tempo de substituir a confrontação e a impunidade com a reconciliação e a responsabilidade. “

Kerry, que prometeu nova ajuda humanitária ao Sudão do Sul no valor de $ 138 milhões, disse que o contingente da ONU “não será uma força de intervenção, mas de proteção de civis”.

Na sequência dos combates em Juba no mês passado, o Quénia ofereceu-se para enviar militares para uma nova força, aprovada na ONU a 12 de agosto, juntamente com a Etiópia e o Ruanda.

Os cerca de 4.000 militares da nova força juntam-se aos 12.000 que integram a Missão das Nações Unidas no Sudão do Sul (UNMISS).

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte