Última hora

Em leitura:

Acordo de paz FARC/Bogotá: Colombianos pronunciam-se em referendo

mundo

Acordo de paz FARC/Bogotá: Colombianos pronunciam-se em referendo

Publicidade

Os colombianos vão ter a última palavra sobre o acordo de paz assinado entre o Governo e a guerrilha das FARC, em Havana.

O entendimento alcançado depois de quatro anos de negociações visa por fim a um conflito que se arrastou durante mais de meio século. Mas há termos [no acordo] que não são consensuais. A começar pela amnistia dos guerrilheiros. A decisão vai ser tomada no referendo agendado para o início de outubro.

“Há dois caminhos: podemos continuar numa situação de conflito, a agonizar depois de quase sete milhões de vítimas ou abrimos a esperança a uma paz firme. Na prática, os colombianos têm de pesar os aspetos positivos e negativos em relação ao que assinamos, esta quarta-feira, face à expectativa futura de terminar um conflito e de criar oportunidades de crescimento e melhorias na cena política” refere Humberto de la Calle, chefe negociador do Governo colombiano.

O Governo português já se congratulou com a assinatura do acordo de paz.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Artigo seguinte