Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Acordo de paz FARC/Bogotá: Colombianos pronunciam-se em referendo

Acordo de paz FARC/Bogotá: Colombianos pronunciam-se em referendo
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Os colombianos vão ter a última palavra sobre o acordo de paz assinado entre o Governo e a guerrilha das FARC, em Havana.

O entendimento alcançado depois de quatro anos de negociações visa por fim a um conflito que se arrastou durante mais de meio século. Mas há termos [no acordo] que não são consensuais. A começar pela amnistia dos guerrilheiros. A decisão vai ser tomada no referendo agendado para o início de outubro.

“Há dois caminhos: podemos continuar numa situação de conflito, a agonizar depois de quase sete milhões de vítimas ou abrimos a esperança a uma paz firme. Na prática, os colombianos têm de pesar os aspetos positivos e negativos em relação ao que assinamos, esta quarta-feira, face à expectativa futura de terminar um conflito e de criar oportunidades de crescimento e melhorias na cena política” refere Humberto de la Calle, chefe negociador do Governo colombiano.

O Governo português já se congratulou com a assinatura do acordo de paz.