Última hora

Em leitura:

Tufão Meranti semeia destruição

mundo

Tufão Meranti semeia destruição

Publicidade

Depois do tufão não há bonança em Xiamen, na província chinesa de Fujian, já que o Meranti deixou um rasto de destruição antes de ser classificado tempestade tropical.

Pelo menos 10 pessoas morreram e 11 estão dadas como desaparecidas.

Mais de um milhão de habitantes estão sem eletricidade. Cerca de 330 mil cidadãos, obrigados a procurar refugio, regressam agora a casa.

A circulação dos meios de transporte foi perturbada, com o cancelamento de dezenas de voos e distúrbios nas ligações ferroviárias e marítimas.

Os dois lados do estreito de Taiwan foram abalados pelo fenómeno.

Na ilha Formosa, o Meranti causou um morto e 38 feridos.

Com ventos a chegarem aos 268 quilómetros por hora, foi classificado como o mais poderoso desde 1949.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Artigo seguinte