Última hora

Em leitura:

Economia japonesa surpreende no terceiro trimestre


Economia

Economia japonesa surpreende no terceiro trimestre

Entre julho e setembro, o crescimento da economia japonesa superou as expectativas.

Face ao trimestre precedente, o PIB cresceu 0,5%. Em termos anuais, a progressão foi de 2,2%, quando os analistas esperavam um crescimento de apenas 0,9%.

A terceira economia mundial beneficiou da subida das exportações, a maior num ano. Estas subiram 2%. Já a procura interna, que representa 60% do PIB, e o investimento empresarial estagnaram.

Trata-se do terceiro trimestre consecutivo de crescimento.

O governador do Banco do Japão (BoJ), Haruhiko Kuroda, mantém-se otimista em relação ao desempenho da economia, apesar do contexto de incerteza a nível mundial, após a vitória de Donald Trump.

O banco central considera que as políticas americana e chinesa podem ter um impacto negativo na economia japonesa. A nível interno, a instituição tem os olhos postos nas negociações salariais, entre patronato e sindicatos, previstas para o próximo ano. O aumento dos salários poderá impulsionar o consumo privado e a inflação, que continuam muito aquém da meta de 2% fixada pelo banco central.