This content is not available in your region

Colômbia: Plano de paz entre as Farc e Estado aprovado

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Colômbia: Plano de paz entre as Farc e Estado aprovado

<p>Está concluído o processo de paz na Colômbia, mas ainda existe um longo caminho a percorrer.</p> <p>Depois do Senado e por unanimidade, a Câmara dos Deputados aprovou novo plano de paz entre as Forças armadas revolucionárias da Colômbia e o Estado.</p> <p>É mais um esforço para pôr fim a 52 anos de conflito armado depois da primeira versão do plano ter sido rejeitada no referendo de 2 de outubro.</p> <p>“Estamos empenhados em trabalhar muito rapidamente na lei da amnistia para os membros das <span class="caps">FARC</span> que não cometeram crimes horrendos, crimes não admissíveis referidos no artigo 40 da lei. Essa será a primeira coisa que temos que fazer.”</p> <p>O acordo revisto introduz cerca de 50 alterações.</p> <p>As mudanças incluem desde a proibição de juízes estrangeiros julgarem alegados crimes de ambos os lados até ao compromisso da <span class="caps">FARC</span> em perder ativos para ajudar a compensar as vítimas do conflito.</p> <p>As <span class="caps">FARC</span> rejeitaram as duas principais exigências dos opositores ao acordo: penas de prisão para os lideres da guerrilha e fortes limitações na participação na vida política. </p> <p>O conflito com mais de meio século resultou em mais de 220 mil mortos e 8 milhões de deslocados.</p> <p>Receia-se agora que a saída de cena das <span class="caps">FARC</span> possa dar lugar a novos movimentos ou reforçar outros menores já existentes como o <span class="caps">ELN</span>, exército de Libertação Nacional.</p>