Última hora

Em leitura:

Louvre reabre com reforço da segurança


França

Louvre reabre com reforço da segurança

Mesmo com chuva, foram muitos os visitantes, na maioria turistas, este sábado no museu do Louvre em Paris.

O museu abriu as portas à hora normal, um dia depois da tentativa de atentado que causou um grande susto. É visível o reforço da segurança, que era já forte antes do incidente. Os militares e polícias fortemente armados não passam despercebidos. O ataque não desmotivou quem está a visitar a capital francesa e aproveita para ver um dos museus mais famosos do mundo. A França, em particular Paris, está em alerta máximo desde os atentados de 2015.

As autoridades estão agora a investigar as motivações deste egípcio de 29 anos, que atacou os militares a golpes de machete e acabou ferido a tiro. Ainda não pode responder às perguntas, mas já não corre perigo de vida.

Na altura do ataque, o homem terá gritado “Allah uh-Akhbar”, (“Deus é grande”, em árabe).

As reações, no Twitter, do presidente François Hollande e da maior parte dos candidatos às próximas presidenciais:

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

Myanmar

ONU reconhece atrocidades da Birmânia para com os Rohingyas