Última hora

Em leitura:

Forças iraquianas avançam em Mossul enquanto os residentes fogem


Iraque

Forças iraquianas avançam em Mossul enquanto os residentes fogem

Hot Topic Saiba mais sobre Mossul

EUA e Iraque dizem que as suas tropas se estão a aproximar da cidade velha de Mossul, onde deverão acontecer os mais fortes combates contra os extremistas do grupo Estado Islâmico.

O leste da cidade foi “totalmente libertado” em janeiro, segundo fontes oficiais, iraquianos e aliados lutam agora pelo controlo da parte ocidental, densamente povoada:

“Há combates no nosso bairro. Não sei quantas famílias ainda lá estão. Nós estávamos sentados em casa quando os tiros atingiram a nossa porta”, explica uma habitante de Mossul, não identificada.

Milhares de pessoas fogem enquanto as forças governamentais tentam recuperar o controlo sobre a segunda maior cidade do país.

A lotação de alguns dos campos, como o de Hamam Al-Alil, foi já ultrapassada. Obrigando a que muitas pessoas sejam levadas para outros, mais longe:

“Eu queria ficar lá mas não havia tendas, o campo está lotado, dizem que também não há espaço no campo de Khazer, que a maioria das pessoas estão sentadas na rua e é aí que dormem, na rua”, adianta Ali Waadallah, residente de Mossul obrigado a partir.

De acordo com a Agência da ONU para os Refugiados o número de iraquianos deslocados, internamente, no oeste de Mossul, é maior do que se previa.

A organização está a construir novos campos, para dar resposta ao constante fluxo de pessoas. Um dele deverá abrir já esta quinta-feira.

Coreia do Norte

Coreia do Norte desafia sanções americanas