Última hora

Em leitura:

Spicer pede desculpas por comparação entre Assad e Hitler


EUA

Spicer pede desculpas por comparação entre Assad e Hitler

Sean Spicer pediu desculpas pela comparação entre Hitler e o chefe de Estado sírio, Bashar al-Assad, que suscitou uma viva polémica. O porta-voz da Casa Branca reconheceu um “erro” com o qual pensa ter “traído a confiança” do presidente norte-americano, Donald Trump:

“É realmente doloroso, para mim, saber que fiz algo assim, porque não era obviamente a minha intenção. Sei que fiz um disparate e que possivelmente ofendi bastantes pessoas. Por isso, quero obviamente pedir desculpas e que percebam que eu não deveria ter tentado fazer a comparação”.

A comparação embaraçosa entre Assad e o líder do regime nazi foi feita esta terça-feira, quando Spicer afirmou que “nem Hitler desceu ao ponto de usar armas químicas”.