Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Spicer pede desculpas por comparação entre Assad e Hitler

Spicer pede desculpas por comparação entre Assad e Hitler
Tamanho do texto Aa Aa

Sean Spicer pediu desculpas pela comparação entre Hitler e o chefe de Estado sírio, Bashar al-Assad, que suscitou uma viva polémica. O porta-voz da Casa Branca reconheceu um “erro” com o qual pensa ter “traído a confiança” do presidente norte-americano, Donald Trump:

“É realmente doloroso, para mim, saber que fiz algo assim, porque não era obviamente a minha intenção. Sei que fiz um disparate e que possivelmente ofendi bastantes pessoas. Por isso, quero obviamente pedir desculpas e que percebam que eu não deveria ter tentado fazer a comparação”.

A comparação embaraçosa entre Assad e o líder do regime nazi foi feita esta terça-feira, quando Spicer afirmou que “nem Hitler desceu ao ponto de usar armas químicas”.