Última hora

Última hora

Ex-diretor do FBI denuncia "mentiras" de Trump

James Comey foi ouvido na Comissão de Serviços Secretos do Senado dos Estados Unidos

Em leitura:

Ex-diretor do FBI denuncia "mentiras" de Trump

Tamanho do texto Aa Aa

James Comey ainda terá de responder à porta fechada a perguntas da Comissão de Serviços Secretos do Senado dos Estados Unidos, mas na audição desta quinta-feira o ex-diretor do FBI acusou a administração Trump de o “difamar” e de “mentir” sobre as circunstâncias do despedimento quando investigava a alegada interferência russa nas eleições de novembro de 2016.

Durante a sessão, o antigo diretor do FBI manteve-se calmo e foi preciso na resposta às perguntas do senador republicano Richard Burr, presidente da Comissão.

O advogado do presidente dos Estados Unidos, Marc Kasowitz, diz que Donald Trump nunca referiu a Comey “preciso de lealdade, espero lealdade”, em forma ou substância. Kasowitz acrescenta que está claro que a Presidência espera lealdade dos que servem durante a administração.


A porta-voz da Casa Branca afirma, por outro lado, que “Donald Trump não é um mentiroso”.