Última hora

Timor-Leste vai a votos

Depois das presidenciais de março os timorenses votam, este sábado, nas eleições legislativas.

Em leitura:

Timor-Leste vai a votos

Tamanho do texto Aa Aa

Depois das presidenciais de março os timorenses votam, este sábado, nas eleições legislativas. Xanana Gusmão, líder histórico timorense e antigo presidente do país, de 71 anos, é o favorito. O candidato e líder do CNRT, Congresso Nacional para a Reconstrução de Timor-Leste, partido atualmente no governo, acredita que vai conseguir a maioria absoluta no escrutínio.

Mário Alkatiri, secretário-geral da Fretilin e ex-primeiro-ministro timorense, não ganha as eleições mas espera conseguir bons resultados em Oecussi, Região Administrativa Especial de Timor à qual preside.

Taur Matan Ruak, pelo Partido de Libertação Popular, concorre pela primeira às Legislativas timorenses. O ex-chefe de Estado faz duras críticas à governação das duas principais formações do país.

Para o antigo presidente timorense, Ramos horta, o importante são os desafios que o novo executivo tem pela frente:

“Continuar os progressos impressionantes que temos vindo a fazer, na frente económica, nos últimos cinco anos em particular, nomeadamente, continuar a construção de infraestruturas-chave. (…) Outra das prioridades fundamentais é continuar a consolidar a paz e a democracia, neste país. Mas também investir mais na agricultura para garantir a segurança alimentar e a melhoria da vida das pessoas dos campos. Mas vamos chegar lá”.

O governo aprovou tolerância de ponto para sexta-feira para que os eleitores possam deslocar-se aos municípios onde estão recenseados.