Última hora

Klitschko abandona boxe e deixa Joshua pendurado

Pugilista ucraniano tinha sobre a mesa a reedição do último duelo perdido em abril com o britânico, mas acaba por renunciar por completo à carreira profissional na modalidade.

Em leitura:

Klitschko abandona boxe e deixa Joshua pendurado

Tamanho do texto Aa Aa

O pugilista ucraniano Wladimir Klitschko anunciou, aos 41 anos, o fim da carreira. O antigo campeão do mundo de pesos pesados revelou a decisão num vídeo publicado esta quinta-feira nos respetivos canais oficiais na internet.

Após 27 anos de carreira, o irmão do também antigo pugilista e atual presidente da câmara da capital da Ucrânia, Kiyv, quer dedicar-se a novos desafios.



O último combate de Wladimir Klitschko aconteceu em abril, derrotado por Anthony Joshua, 14 anos mais novo.

O britânico pretendia, aliás, uma repetição do duelo em novembro, já havia um pré-acordo, mas o ucraniano acaba por se retirar por completo do boxe e deixa o rival pendurado. Joshua e o respetivo promotor, Eddie Hearn, terão de procurar novo adversário e a alternativa parece ser o búlgaro Kubrat Pulev.



No currículo de Wladimir Klitschko ficam 64 vitórias (53 por KO), cinco derrotas (quatro por KO) e quase uma década (2004-2015) como campeão mundial de pesos pesados, título que perdeu para Tyson Fury em 2015.