Última hora

Última hora

Judo - Abu Dhabi: sangue novo confirma qualidade e conquista ouro

Anna Bernholm conseguiu a primeira medalha de ouro num Grand Slam. Frank De Wit está de regresso à melhor forma e sobe ao lugar mais alto do pódio.

Em leitura:

Judo - Abu Dhabi: sangue novo confirma qualidade e conquista ouro

Tamanho do texto Aa Aa

Anna Bernholm conquista primeira medalha de ouro num Grand Slam

No segundo dia do Grand Slam de Judo de Abu Dhabi, a sueca Anna Bernholm foi eleita “a mulher do dia” ao derrotar a holandesa Kim Polling e conseguir a sua primeira medalha de ouro num Grand Slam.

Bernholm, que decidiu subir da categoria dos -63 para os -70Kg a pensar nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, foi já no ponto dourado que marcou o waza-ari com que conquistou a medalha de ouro.

Jovem Frank De Wit de volta à melhor forma

O holandês Frank De Wit, foi considerado “o homem do dia” depois de derrotar o judoca Otgonbaatar, da Mongólia, na final de -81kg.

O jovem de 21 anos, que começou o ano a ganhar o Grand Slam de Paris, apesar de pouco consistente ao longo do ano, em Abu Dhabi levou a melhor sobre o adversário ao aplicar um osaekomi durante 20 segundos.

Italiana Gwend conquista medalha de ouro em -63Kg e Unterwurzacher brilha

O presidente da Federação de Judo dos Emirados Árabes Unidos, Mohammed Bin Taloub Al Daree, entregou a medalha de ouro à italiana Edwige Gwend que, em -63kg, bateu a britânica Lucy Renshall.

Mas a estrela do dia foi a austríaca Kathrin Unterwurzacher, a número 3 do mundo conquistou a medalha de ouro com um espetacular Ko-Soto-Gake para ippon.

Embora tivesse vindo à procura de ouro, ganhar o bronze com um judo de alto nível é sempre bom.

Odbayar leva o ouro de -73Kg para a Mongólia

O judoca da Mongólia, Ganbaatar Odbayar, quem arrecadou o ouro da categoria -73Kg ao bater o russo Musa Mogushkov.

Entretanto, todos os olhos estavam postos no número 2 do mundo e medalha de prata nos Jogos Olímpicos, Rustam Orujov, do Azerbaijão, que enfrentou o belga Dirk Van Tichelt na luta pelas medalhas de bronze. Orujov mostrou a razão de ser tão apreciado com um enorme Harai Maki Komi ippon. Somou mais uma medalha à sua coleção e, como sempre, saiu do tatami com um sorriso na cara.

O movimento do dia

O movimento do dia vem da categoria -73kg foi protagonizado pelo russo Dennis Iartcev frente ao português Jorge Fernandes.