Última hora

Última hora

Bitcoin estreia-se no mercado de futuros com subida em flecha

Em leitura:

Bitcoin estreia-se no mercado de futuros com subida em flecha

Tamanho do texto Aa Aa

A Bitcoin, sensação do momento que muitos acreditam ser uma bolha especulativa, teve uma estreia em grande no mercado de futuros. Os futuros a um mês sobre a criptomoeda abriram, no mercado de Chicago, com um ganho de 21% face ao preço de lançamento e chegaram a atingir os 18.600 dólares, enquanto a Bitcoin propriamente dita está acima dos 16 mil dólares.

Os analistas não param de advertir que este é um investimento arriscado: "Continuo a acreditar que estamos a lidar com uma bolha. Mesmo se a tecnologia por detrás dela é fantástica, a Bitcoin nunca se vai tornar numa unidade de pagamento. Qualquer investidor especulativo pode transacionar bitcoins, mas não deve esquecer que, a um determinado momento, há um colapso do mercado. É o que vamos ver com a Bitcoin, mais cedo ou mais tarde, mesmo se isso vai demorar um pouco, diz Robert Halver, do Baader Bank.

Inteligência Artificial pretende prever quando rebenta esta bolha especulativa.

Outros analistas acreditam que este furor é uma bolha, mas ao mesmo tempo traz aspetos novos à economia mundial, que são mais que modas passageiras: "A verdade é que a tecnologia por detrás da Bitcoin, que é a blockchain, veio para ficar. Se quisermos fazer uma comparação, é como a bolha das dotcoms. A bolha rebentou, mas a Internet ficou, temos o Facebook e o Google. Ou sejam a tecnologia na base dessa bolha veio para ficar", diz Daniele Bianchi, professor na WARWICK BUSINESS SCHOOL.

Desde o início do ano, a cotação da Bitcoin multiplicou o valor por 16, desafiando todas as leis da gravidade. Mas já sabemos: Tudo o que sobe acaba por cair.