Última hora

Última hora

Terrorista italiano extraditado para Roma

Em leitura:

Terrorista italiano extraditado para Roma

Terrorista italiano extraditado para Roma
Tamanho do texto Aa Aa

Foi extraditado para Roma o cidadão italiano procurado pelas autoridades de Itália para cumprir prisão perpétua por terrorismo e detido, em junho, em Fátima, no distrito de Leiria.

Maurizio Tramonte, 65 anos, é um antigo informador dos serviços secretos junto dos grupos de extrema direita. É um dos autores do atentado com uma bomba na cidade de Brescia, em 1974, que provocou oito mortos e 102 feridos, durante uma manifestação anti-fascista.

A extradição para o cumprimento de prisão perpétua foi decidida a 24 de julho pelo Tribunal da Relação de Évora.

Segundo um comunicado da Unidade Nacional de Combate ao Cibercrime e à Criminalidade Tecnológica da PJ, Maurizio Tramonte foi condenado em definitivo pela justiça italiana, no dia 20 de junho, tendo a detenção em Portugal sido feita no âmbito de um mandado de detenção europeu.

A condenação surgiu 41 anos depois do ataque em Brescia, considerado um dos atos terroristas mais terríveis na Itália, juntamente com o perpetrado na Piazza Fontana em Milão em 1969, que matou 16 pessoas e um outro na estação de Bolonha em 1980, que provocou 85 mortes.