Última hora

Última hora

Confrontos étnicos provocam meia centena de mortos na RD Congo

Em leitura:

Confrontos étnicos provocam meia centena de mortos na RD Congo

© Copyright :
REUTERS/Max Rossi
Tamanho do texto Aa Aa

Pelo menos 49 pessoas foram mortas numa onda de violência entre as comunidades Hema e Lendu registada durante a madrugada de quinta para sexta-feira, em Ituri, no nordeste da República Democrática do Congo.

"Contámos 49 corpos e haverá ainda outros por descobrir", disse à France Press Alfred Ndrabu Buju, diretor da ONG Cáritas de Bunia, capital da província de Ituri.

A agência chinesa Xinhua noticiou que o ataque visou a aldeia de Maze, habitada pela comunidade Hema, terá sido alvo de um ataque surpresa por assaltantes Lendu.

A Xinhua explica que as hostilidades já se fazem sentir na região de Ngjugu há mais de dois meses, tendo provoicado mais de 100 mortos.

Milhares de casas terão sido incendiadas e mais de 60 mil pessoas fugiram para Bunia, a capital da província. Outros milhares de pessoas terão fugido mesmo para o Uganda.

O apelidado "conflito de Ituri" é antigo entre os Lendu, uma comunidade de agricultores, e os Lendu, uma comunidade dedicada à pastorícia.

Na base do atrito está uma rivalidade dos tempos do colonialismo belga agravada nos anos 70 do século XX por uma controversa de posse e venda de terras.