Última hora

Última hora

Alojamento gratuito em Kiev não é impossível

Em leitura:

Alojamento gratuito em Kiev não é impossível

Tamanho do texto Aa Aa

A capital da Ucrânia, Kiev, acolhe no sábado à noite a final da Liga dos Campeões.

Point of view

"Fiquei chocado quando ouvi que alguém estava a alugar uma cadeira de dentista num consultório médico"

Viktor Kylymar Fundador do grupo "Kyev FREE couch"

O evento coloca frente a frente o Liverpool do Reino Unido e os espanhóis do Real Madrid. Mas para os cerca de 50 mil adeptos previstos, o problema é mesmo o alojamento.

Os preços dos hóteis atingem valores exorbitantes, mesmo um simples quarto na casa de alguém pode custar milhares de euros por noite. No entanto, graças às redes sociais, é possível encontrar solução. A ideia veio de um ucraniano, Victor Kylymar.

"Fiquei chocado quando ouvi que alguém estava a alugar uma cadeira de dentista num consultório médico. Isto vai para além dos limites da sanidade e senso comum. Até podia ser aceitável se fosse alugada por 10 euros ou fosse gratuita, mas estava a ser alugada por 100 ou 200 dólares. É inaceitável!, afirma este adepto ucraniano, a cara por detrás da criação do grupo de Facebook, "Kyev Free Couch".

A iniciativa pegou e até o Presidente ucraniano, Petro Poroshenko, se ofereceu para acolher alguns adeptos.

A um outro nível, acolher a final da Liga dos Campeões está a ser vista pelos ucranianos como uma oportunidade para o país mostrar os progressos efetuados desda crise económica de 2013/14 que resultou do levantamento pró-europeu e conflito separatista no leste do país.