Última hora

Última hora

Calor provoca seca na Escandinávia

Em leitura:

Calor provoca seca na Escandinávia

Calor provoca seca na Escandinávia
Tamanho do texto Aa Aa

A vaga de calor que afeta o norte da Europa está a causar seca na Escandinávia e Reino Unido. Muitos agricultores viram-se obrigados a recorrer às reservas de inverno a fim de alimentarem o gado, evitando o abate de emergência e mais perdas financeiras.

"Não faz sentido semear em chão duro e esperar que produza algo"

Jakob Ellemann-Jensen Ministro do Ambiente e Alimentação, Dinamarca

O ministro dinamarquês do Ambiente e Alimentação afirma que não há alternativa senão aguardar pela chuva.

"Não faz sentido semear em chão duro e esperar que produza algo. Temos que esperar pela chuva, algo sobre o qual não temos qualquer controlo", disse Jakob Ellemann-Jensen.

A forragem tornou-se uma raridade e os preços aumentam. Suecos e dinamarqueses pagam preços exorbitantes. A Noruega importa forragem da Islândia. Nos próximos três meses as importações deverão atingir as 35 mil toneladas. Chuvas abundantes neste país produziram uma colheita excecional. Cerca de 50 mil fardos já foram enviados para os países escandinavos.

Sunna Valgerdardottir, repórter para o serviço público de rádio e televisão da Islândia, adianta que "serão necessários cerca de 120 lotes para cumprir a encomenda da Noruega. Isto implica cerca de 1300 viagens para transportar tudo isto até ao porto."

Os custos do transporte são elevados e existe ainda o risco de introdução de agentes infeciosos ou ervas daninhas. Trata-se de um solução temporária para a Noruega cujo setor agrícola se encontra fora da União Europeia. As autoridades norueguesas já suspenderam as taxas de importação de forragem a fim de ajudarem os agricultores do país. A Noruega atravessa o verão mais seco dos últimos 70 anos.