This content is not available in your region

Cortejo de Múmias desfila no Egito

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Cortejo de Múmias desfila no Egito
Direitos de autor  Eurovision - ZZVNRP   -  

Foi um cortejo inédito no Cairo.

É difícil juntar dezoito reis e quatro rainhas e a tarefa torna-se ainda mais complicada quando se trata de múmias.

Mas foi isso que aconteceu este sábado. Cada uma na sua carruagem, as 22 múmias do Egito Antigo fizeram o percurso desde o Museu do Cairo, onde estavam há mais de um século, até à nova casa, o Museu Nacional da Civilização Egípcia.

O trajeto de sete quilómetros respeitou uma ordem cronológica: o faraó Sekenenré Taá, que viveu no século XVI a.C, liderou o cortejo e Ramsés IX, que viveu no século III a.C, fechou o desfile.

As estradas ao longo do Nilo foram cortadas e o “Desfile de Faraós” foi acompanhado por um forte dispositivo de segurança.

As múmias foram transportadas numa espécie de embalagem com nitrogénio e com condições semelhantes às que existem nos museus, e em veículos com um mecanismo para evitar impactos.

A diretora-geral da UNESCO sublinhou que a transferência para o Museu Nacional da Civilização Egípcia é o apogeu de um longo esforço para preservar e exibir melhor as múmias.

No novo museu, na cidade de Fustat, estes reis e rainhas serão exibidos ao lado dos seus sarcófagos, numa decoração que lembra os túmulos subterrâneos.