This content is not available in your region

Liz Cheney foi derrotada no Wyoming por Harriet Hageman

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Liz Cheney, derrotada na primária republicana do estado do Wyoming
Liz Cheney, derrotada na primária republicana do estado do Wyoming   -   Direitos de autor  Jae C. Hong/Copyright 2022 The Associated Press. All rights reserved.   -  

A congressista Liz Cheney, uma das vozes mais críticas de Donald Trump no Partido Republicano, foi derrotada nas primárias do Wyommig pela candidata apoiada por Trump, Harriet Hageman.

A organização pro-democracia, The Lincoln Project, reagiu, afirmando que "é o fim do Partido Republicano. O que resta partilha o nome e a marca do Partido Republicano tradicional, mas na realidade é um culto nacionalista autoritário dedicado apenas a Donald Trump".

Cheney, a única republicana no comité que investiga o assalto ao Capitólio pelos apoiantes de Donald Trump, disse no discurso da derrota: "Devemos ser muito claros sobre a ameaça que enfrentamos e sobre o que é necessário para a derrotar. Tenho dito desde 6 de janeiro que farei o que for preciso para que Donald Trump nunca mais se aproxime da Sala Oval - e falo a sério".

A advogada Harriet Hageman agradeceu a maioria considerável sobre Cheney e os apoios à sua candidatura dos congressistas seguidores de Trump.

"O Wyoming falou em nome de todos os que, em todo este grande país, acreditam no sonho americano; que acreditam na liberdade e reconhecem que os nossos direitos nacionais, a liberdade de expressão, a liberdade de religião e a igualdade de proteção e de justiça vêm de Deus". Não vêm do governo e o governo não os pode tirar", disse.

A grande margem da vitória de Hageman - 30 pontos - revela a rápida mudança que está a atingir o Partido Republicano.