Zonas residenciais de Zaporíjia atacadas com mísseis

Access to the comments Comentários
De  euronews
Prédio atingido por bombardeamento
Prédio atingido por bombardeamento   -   Direitos de autor  AP/AP   -  

A Rússia disparou sete mísseis contra zonas residenciais em Zaporíjia, segundo o governador da região. Oleksandr Starukh confirmou a morte de duas mulheres e cinco desaparecidos, numa altura em que ainda havia pessoas presas nos escombros.

"À noite, quando as pessoas estavam a dormir, o inimigo realizou um ataque com mísseis contra edifícios de habitação. Dois andares superiores estão destruídos, as entradas do prédio também. Havia pessoas sob os escombros. Equipas de resgate foram enviadas imediatamente. Os nossos médicos fizeram de tudo para tirar as pessoas dos escombros com vida. O inimigo está a aterrorizar uma população pacífica. Vamos aguentar e vencer e o vencedor será a Ucrânia", afirmou Oleksandr Starukh. 

Os ataques aconteceram horas depois de o presidente ucraniano ter anunciado que os militares do país tinham reassumido o controlo de mais três cidades na região de Kherson, no sul do país.

Zaporíjia é uma das quatro regiões que o presidente russo declarou ter anexado, em violação das leis internacionais.