Seul promove memorial às 154 vítimas mortais da trágica "Noite das Bruxas"

Access to the comments Comentários
De  euronews
Memorial às vítimas da tragédia de sábado à noite ocorrida em Seul
Memorial às vítimas da tragédia de sábado à noite ocorrida em Seul   -   Direitos de autor  Lee Jin-man/Copyright 2022 The AP. All rights reserved

O Presidente sul-coreano, acompanhado da Primeira Dama, visitaram um memorial dedicado às vítimas da tragédia ocorrida na capital, Seul, no sábado à noite por ocasião dos festejos da Noite das Bruxas.

Pelo menos 154 pessoas morreram por esmagamento, incluindo 26 estrangeiros, nas ruas do bairro de Itaewon que se encontravam apinhadas.

As autoridades declararam luto nacional de uma semana enquanto prosseguem as investigações.

Há ainda mais de 130 feridos, entre os quais 33 encontram-se em estado grave.

"O meu amigo disse-me que algo terível tinha acontecido na rua. Ele disse-me que alguém tinha morrido. Fiquei surpreendido, fui espreitar e vi pessoas a fazerem massagens de reanimação", afirmou Jeon Ga-eul, uma testemunha da tragédia. 

Trata-se da pior tragédia ocorrida na Coreia do Sul desde 2014 quando um ferry naufragou matando 304 pessoas, na sua maioria estudantes.