Quadro de Beckmann vendido por valor recorde em leilão

Autorretrato de Beckmann em leilão
Autorretrato de Beckmann em leilão   -   Direitos de autor  Michael Sohn/Copyright 2022 The AP. All rights reserved
De  Euronews

Um autorretrato do expressionista alemão, do século XX, Max Beckmann foi vendido esta quinta-feira, em Berlim, por um valor equivalente a cerca de 20 milhões de euros, a quantia mais alta dada por um quadro, em leilão, no país.

Markus Krause, leiloeiro, explicou que os "dois últimos autorretratos em óleo sobre tela foram vendidos em 2001 e 2005" e que, desde então "nenhum autorretrato de Max Beckmann esteve no mercado", logo é algo "muito raro".

Este é também, de acordo com Krause, "um dos últimos a ser disponibilizado em todo o mundo”.

De salientar que o quadro denominado "autorretrato amarelo-rosa" foi pintado pelo artista durante o seu exílio em Amsterdão, após ter fugido da Alemanha nazi. A obra retrata o seu eu jovem e foi finalizada em 1943.

De salientar que o leilão atraiu compradores de todo o mundo e o quadro foi vendido por cerca de 23,2 milhões de euros, tendo em conta comissões e impostos que foram, posteriormente, adicionados ao valor de licitação.

Até ao momento, não foi divulgada a identidade do comprador.