This content is not available in your region
Segmento publicitário
‘Partner Content’ is used to describe brand content that is paid for and controlled by the advertiser rather than the Euronews editorial team. This content is produced by commercial departments and does not involve Euronews editorial staff or news journalists. The funding partner has control of the topics, content and final approval in collaboration with Euronews’ commercial production department.
National Tourism Organisation of Serbia

O paraíso de inverno mais emocionante da Europa de Leste é na Sérvia. E o Natal também

O paraíso de inverno mais emocionante da Europa de Leste é na Sérvia. E o Natal também
Direitos de autor  Stefan Kondić

Com montanhas cobertas de neve, águas termais e deliciosos guisados de carne, a Sérvia, o coração interior dos Balcãs, é a melhor experiência nos meses de inverno. Desde beber aguardente de ameixa e deleitar-se com guisados apimentados na vibrante capital do país, a fazer caminhadas em trilhos cobertos de neve na intocada zona ocidental da Sérvia, há uma aventura para cada turista no paraíso de inverno mais emocionante da Europa de Leste.

Fique de molho nas cidades termais históricas da Sérvia

O bem-estar pode não ser a primeira coisa que nos vem à cabeça quando pensamos na Sérvia. Contudo, os resorts e spas geotermais, conhecidos localmente como “banjas”, têm sido o passatempo de inverno preferido na Sérvia desde a primeira vez que os romanos lá se instalaram há muito tempo. No centro do país, 200 km a sul de Belgrado, a cidade florestal de Vrnjačka Banja conta com dezenas de resorts e hotéis com spas modernos alimentados pelas sete nascentes de águas termais da cidade. Entretanto, Banja Koviljača e Sokobanja, dois dos spas mais antigos do país, oferecem a grandiosidade de um resort de bem-estar do século XXI, jardins verdejantes, fontes alimentadas por nascentes e uma vasta lista de tratamentos.

euronews
© Oksana Skendžićeuronews

Entre no espírito natalício em Novi Sad

Em 2022, Novi Sad, uma cidade conhecida pelos seus cafés com esplanada, galerias de arte contemporânea e cultura musical alternativa, será a mais recente Capital Europeia da Cultura, a primeira cidade fora da UE a receber o ilustre título. No inverno, as suas ruas e praças cobertas de neve enchem-se de luz para receber os concertos festivos, as exposições artísticas, os mercados de Natal e os passeios de carruagem. Passe o dia a deleitar-se com gomboce quentes (uma espécie de sonhos recheados com ameixa) e biscoitos de gengibre em forma de coração à luz das velas ou a explorar as barraquinhas de Natal, repletas de artesanato típico da Sérvia e vinho local para provar. Entre dezembro e janeiro, o parque da cidade, Danube, transforma-se numa gigante pista de gelo para patinar por entre árvores iluminadas e lagos congelados.

euronews
© Aleksandar Matićeuronews

Aqueça-se com rakija e pljeskavica em Belgrado

A cidade antiga de Belgrado tem muitas faces. Visite Knez Mihailova e encontrará galerias de arte moderna e cafés lado a lado com monumentos otomanos, enquanto no bairro Savamala a arte urbana e as discotecas de tecno misturam-se com a antiga fortaleza. No inverno, os habitantes de Belgrado juntam-se nos pubs locais, onde a rakija, uma bebida potente da Sérvia feita com frutos fermentados, é a escolha de eleição quando as temperaturas descem abaixo de zero. Para conhecer uma seleção impressionante de marcas e aromas de rakija, visite o Rakia Bar. Já os empregados do Ambar são particularmente bons a orientar os clientes sobre como desfrutar da bebida alcoólica. No entanto, a oferta de Belgrado não se resume a rakija: a comida, especialmente graças ao afluxo de jovens e criativos chefs nos últimos anos, é das melhores do país. Não deixe de provar os pratos preferidos dos sérvios, como o pljeskavica (hambúrgueres de carne condimentada) servido com ajvar (pimentão vermelho e molho de beringela).

Faça caminhadas ou esqui nas pistas de neve do Parque Nacional Tara

Quem disse que não se pode fazer caminhadas no inverno? No Parque Nacional Tara, onde se estendem rios verde-esmeralda e grandes desfiladeiros ao longo de 220 km², pode encontrar uma rede de trilhos remotos para caminhadas, considerados dos melhores da Europa para trekking. Percorrendo florestas ventosas e cobertas de neve, passará por cascatas congeladas, lagos azul-turquesa e vilas tradicionais a vender guisados de carne e dónutes recheados com doce de ameixa. De Sjenic, o ponto mais alto do parque, estão garantidas paisagens impressionantes do Lago Perucac e do desfiladeiro Derventa. No entanto, avistar o raro urso-pardo da Sérvia já exige um pouco mais de sorte. Para quem gosta de andar a cavalo, existem vários centros equestres que realizam visitas guiadas a cavalo pelas montanhas Tara.

euronews
© Miloš Karaklićeuronews

Aventure-se no esqui em Kopaonik

De novembro a maio, a maior estância de esqui da Sérvia oferece 70 km de pistas azuis, vermelhas e pretas no meio da floresta. Envolvendo o protegido pico Pančić de 2017 metros de altitude localizado na Sérvia central, a cordilheira Kopaonik é especialmente adaptada para esquiadores de nível principiante a intermédio, mas as oportunidades fora da pista e as frescas capas de neve também atraem esquiadores profissionais. Aqui, os abrigos de montanha feitos em madeira servem canecas de vinho quente sérvio, enquanto os menus dos restaurantes se focam em pratos de carne grelhada e guisados de peixe picantes. Tal como a vida noturna de Belgrado, a cena apres-ski de Kopaonik resume-se ao tecno e as incríveis festas prolongam-se noite dentro. A melhor parte? Com 200 dias de sol registados por ano, Kopaonik está lá em cima como a estância de esqui mais soalheira da Europa.

euronews
© Dragan Bosnićeuronews