Última hora

Última hora

Bolsas europeias em queda

Em leitura:

Bolsas europeias em queda

Tamanho do texto Aa Aa

É mais uma segunda-feira de quedas nas bolsas europeias. As ações atingiram mínimos de 26 meses. Os mercados estão a ser afetados pelos receios de que a economia helénica entre em incumprimento.

O setor financeiro continua a ser o mais prejudicado pela crise grega e pelas incertezas quanto ao futuro do euro.

“Precisamos de perceber que a Grécia deve entrar em incumprimento em relação a uma parte importante da sua dívida. Até agora tentámos mascarar isso. E agora ao percebê-lo perguntamos: todo este dinheiro que gastámos foi útil e quanto é que será ainda preciso pôr e, especialmente, qual será a conta para os bancos europeus no final?”, interrogou Nathalie Peleras da Richelieu Finance.

A taxa de juro das obrigações helénicas a dois anos superou, pela primeira vez, a barreira dos 60 por cento.

A Itália foi ao mercado vender Bilhetes do Tesouro com maturidade a um ano. Os juros ultrapassaram os 4 por cento.