Última hora

Última hora

O espaço é uma experiência sensorial

Em leitura:

O espaço é uma experiência sensorial

Tamanho do texto Aa Aa

Luca Parmitano já inscreveu o seu nome na história do espaço. O italiano de 36 ano é o astronauta mais novo a participar numa missão de longa duração na estação espacial internacional. Parmitano encontra-se na ISS há poucas semanas.

“Viver a bordo de uma estação espacial é uma experiência sensorial, tudo aqui é diferente. As coisas que temos como garantidas, aqui deixam de o ser e sempre que olho em redor é uma surpresa, é uma sensação diferente.”

“Tenho aqui um exemplo do que está a fazer a ciência. Isto é uma máquina de ultrassons com a qual os meus colegas estiveram a analisar as espinhas dorsais de cada um. Esta vai ser uma forma revolucionária de analisar as espinhas em locais remotos onde não existem máquinas de raio-X nem de IRM.”

“Existem tantos planetas, milhões e milhões de planetas no Universo, se pudéssemos imaginar algo diferente do que chamamos vida, talvez sem ser baseada em água ou oxigénio mas em algo diferente do que aquilo a que chamamos vida, então temos mais probabilidades de ter vida.”